O Shark quer trocar cromos? A chefa arranja...



34 comentários:

Visconde de Vila do Conde disse...

Teresa, eu diria que está a comparar a obra-prima do mestre com a prima do mestre de obras...

(não era você que se queixava de a sua vista já não ser o que era?)

(e obrigada pela etiqueta do post, quase corei...)

teresa disse...

Visconde a minha vita só ao perto já não é o que era que ao longe ainda vejo muito bem. E, infelizmente, estes abdominais estão longe o suficiente para os conseguir ver em toda a sua beleza. E consigo até perceber que esta obra prima junta o útil ao agradável - o tal poder que nos seduz e o corpo que nos atrai.

Quanto às outras senhoras se são primas do mestre de obras ou não não sei, mas mesmo que o sejam o primo não se deve importar que os apreciadores do género dêem uma voltinha com elas. Pode ficar descansado

calamity jane disse...

Ora aí está um pedaço de mau caminho!..
Visconde, a isso chamo eu despeito. Talvez esteja a precisar de expandir os seus horizontes (experimentar de vez um quando um jantarzinho ou, vá lá, até mesmo um almoço com as letras c em diante da agenda talvez ajudasse...). Visconde, quer falar?

anti céptico disse...

Hummm...
Vejo que está a fazer furor...

teresa disse...

CJ, achas que o Visconde é despeitado? Está bem que não deve ter um tórax como este mas coitadito, sem peito também é mau demais...

calamity jane disse...

Tens razão, Teresa. Talvez despeitado seja exagero... Sabes, é que constato algumas contradições no seu discurso: ele é mulheres inteligentes, mas pergunto onde detecta ele inteligência nestas (admito) belas bundas?
por outro lado, dizia apreciar nas mulheres o "ar cuidadosamente descuidado" mas depois esclarece que esse ar consiste em, e passo a citar: "ter um aspecto parecido com o Visconde de Vila do Conde". O que te parece? Um caso de ligeira disforia disassociativa? bipolaridade pura e dura? confusão de género?..

Visconde de Vila do Conde disse...

Calamity, foi a melhor proposta do dia...

Visconde de Vila do Conde disse...

Teresa, a vir em minha defesa?

(hummm, a minha sorte parece que está a mudar....)

shark disse...

Mas o Visconde não disse nada acerca das bundas...
Que má vontade, ele até as referiu enfermeiras. E ambos as conhecemos como pessoas (muito) bem formadas.
Tudo no maior respeito e sob uma perspectiva montes de intelectual.

teresa disse...

A mim parece-me que é um caso agudo de intoxicação por estrogéneo. O Visconde, que como se sabe em todos estes anos nunca tinha passado da primeira página da agenda, viu-se de repente rodeado de mulheres e os circuitos nervosos entraram em colapso. Se não recuperar rapidamente poderá perder-se para sempre.

calamity jane disse...

Proposta? qual proposta? Falar? ou as hipóteses de diagnóstico para o seu caso?

Visconde de Vila do Conde disse...

Calamity, noto, com os olhos lacrimejantes, que você é uma estudiosa da minha palavra. Saberei estar à altura desta incumbência de ser o seu líder espiritual.

calamity jane disse...

Achas? mesmo no estado virtual teremos nós essa capacidade? pessoalmente, não lhe desejo mal...

calamity jane disse...

Sempre descaradamente selectivos nas respostas ao comentos, caros machos alfa... será do cérebro compartimentado?

calamity jane disse...

Caro visconde, saiba que sou uma leitora compulsiva e extremamente atenta. Daí que sonheça em pormenor as suas palavras da mesma forma que as do rótulo dos cereais que os meus filhos tomam ao pequeno-almoço. E detecto as contradições das primeiras como os 'E's das segundas. Sorry ;-(

teresa disse...

cérebro compartimentado, mas depois arrumam aquilo tudo mal.
Típico.

Visconde de Vila do Conde disse...

Calamity, sem medo de assumir. (Afinal faz parte de uma vasto grupo de pessoas que segue a Palavra.)

teresa disse...

(e ele ainda diz que não está pronto para se juntar à nossa igreja...)

calamity jane disse...

Ora meu caro. Por quem sois... Como lhe expliquei, leio muito, às vezes sem grande selecção... Por outro lado sou honesta. Se o meu amigo (posso chamar-lhe assim?) por mero acaso disser (ou escrever) algo acertado, não deixarei de o salientar.

Visconde de Vila do Conde disse...

Calamity, a evidência que lê sem critério de qualidade é que me lê a mim.

Quanto à sua promessa de salientar algo acertado que eu escreva, temo que um longo periodo de silêncio esteja a chegar...

calamity jane disse...

Ora, vê! Eu disse que era honesta! :-)))

teresa disse...

redondilhas:
se não escreve nada acertado então quando escreve que não escreve nada acertado não está a acertar e portanto escreve acertado mas se escreve acertado acertou quando disse que não escrevia nada acertado...

ufa... fiquei tonta

calamity jane disse...

... é como o paradoxo do cretense (reparem, eu disse do cretENSE!)

calamity jane disse...

Anyway, achei q a tirada tinha o seu quê de chantagem emocional. Nada que me espante vindo de um so-called "macho alfa"...

gaija do norte disse...

gaijas, nem vos li!

chefa, nuito obrigada por teres conseguido que o meu dia (de trabalho) terminasse de forma tão... tão...

teresa disse...

estimulante, não era o que querias dizer?

gaija do norte disse...

pode ser...

beto estimulado disse...

Por acaso tava logo abaixo a pensar uma coisa parecida...

Anônimo disse...

cabrinhas fui ver o B Button, que dardo certeiro, no fim fui ao wc e estava com os olhos completamente verdes o que quer dizer uma coisa que não digo, mas não, não é ciúmes

teresa disse...

tu também ficas com olhos verdes?
(não, não sou eu...)

gaija do norte disse...

z, faz um favor às tuas cabras e explica lá o que é isso de ficar com os olhos verdes...

Anônimo disse...

pois é, acho que vais gostar muito desse filme e também vais ficar com os olhos verdes,

tem colibri e tudo

Anônimo disse...

a cabrinha-mor sabe, é como ela

gaija do norte disse...

não é a chefa, z. eu é que tenho que tirar uma dúvida...