A nossa inserção na CE

Ainda eram só meia dúzia deles já nós estávamos de bicos de pés para sermos logo a seguir na foto dos países que se integravam a bem ou a mal na, na altura, CEE. Mas com a devida pompa e circunstância lá se engalanou os Jerónimos e arredores para que ninguém tivesse qualquer dúvida que era com enorme e redobrado orgulho que nós afirmávamos ao Mundo - Somos Europeus.
O que já não resultou tão bem foi o sentar à mesa ao pé dos outros todos, ou tínhamos que sair mais cedo e já íamos no final da refeição ou chegávamos atrasados para a paparoca, Portugal nunca conseguiu ir de braço dado com a Europa. Enfim, é uma maneira de estar na vida sermos sempre dos piores a nível Europeu, ou dos primeiros a nível Europeu, nunca estamos na molhada a nível Europeu, e isso venha lá quem vier. Se conseguíamos com 12, também o conseguimos com 43 ou 92 ou os que quiserem, estamos sempre no Top 3 ou Bottom 3.
Hoje tenho recordado muita vez esta nossa maneira de ser e estou convicto que tal como as doenças genéticas não há nada a fazer. É do clima. Garantido. Qual o maior problema que o velho continente atravessa hoje em dia? Exactamente o Aquecimento Global

4 comentários:

sobretudo acima de tudo disse...

Vê lá se te agasalhas, companheiro!

teresa disse...

eu bem digo que deves andar a passar frio.
e jantar, como é? já jantaste?

Gabs disse...

Sim , o Anthímio de Azevedo ainda no outro dia disse que a peninsula ibérica sofrerá falta de água já em 1025... Emigramos? Para norte?

Gabs disse...

*2o25....