E assim se escreve direito por linhas tortas

O meu chaveiro tem uma chave pintada de azul. A chave que, há muitos anos atrás, me deixaram cair no bolso da camisa a primeira vez que vim a esta casa. É a chave do portão da quinta, mas sempre olhei para ela como a chave da minha felicidade.

Desde aí muitas chaves iguais mandei fazer, apesar de que azul, a côr do céu, ser só a minha. Algumas foram perdidas, outras estragadas e outras mal empregues. Nunca meti nenhuma no bolso de uma camisa, mas as que entreguei estão todas em boas mãos e, se as chaves são vulgares, cada uma das pessoas que as tem é seguramente muito especial.

Depois há outras chaves, que seguem o seu caminho quase como se soubessem que foi para isso que foram feitas. Neste fim de semana uma dessas chaves fez a sua escolha. E foi uma boa escolha. Foi com quem quis, mas porque percebeu depressa que era esse o seu destino. Foi com quem já é da casa. Foi com quem sabe que pode não haver canja feita, mas há sempre gente à espera e uma casa onde pode curar maleitas ou aparecer só porque sim.
É quando quiseres, @na.

103 comentários:

@na disse...

obrigada

(com uma lágrima sentida que me escorrega pela cara)

teresa disse...

eheheheh

gaija do norte disse...

já estou a imaginar a lagriminha no canto do olho...

beijinhos, às duas


... isto porque eu sei que se for aí e o portão estiver fechado, salto! ;)

teresa disse...

Saltas não, telefonas, que ainda te fica qualquer coisa presa no arame farpado... mas se vieres outra vez levas chave de certeza, que isto de andar a abrir portões é uma trabalheira e este é o mês das aranhas, não arrisco sair de casa à noite..

@na disse...

ainda te aparece uma aranha peluda

Anônimo disse...

eu sei que isto é mariquinhas, mas hoje já correram lágrimas a ver o doce novembro.

Agora vou verr guerra, que eu sou guerreiro,

gaija do norte disse...

isso queria ela...

@na disse...

(deve fazer cócegas...)

gaija do norte disse...

(e quem não gosta de se rir?)

teresa disse...

eu gosto.... mas também sou mariquinhas como o z, que lágrima fácil é comigo... desde o Bambi...

@na disse...

11

@na disse...

(no bambi havia aranhas peludas?)

gaija do norte disse...

(de certeza que sim. no meio de tanta bicharada há sempre aranhas)

ardiloso disse...

ca noijo... (agora disse bem) não foi @na?

@na disse...

(muito bem ardi!!!)

ardiloso disse...

:), vou aprendendo (pouco) algumas coisas com voces

@na disse...

(não sejas modesto)

teresa disse...

pouco??? ardiloso tu pareces outro..
(havia aranhas peludas no Bambi?? ca noijo...)

ardiloso disse...

nem queiras saber... enormes, peludas, com muitas patas.. ca noijo digo eu....

@na disse...

tens medo de aranhas ardi?

teresa disse...

olha outro... bem me parecia que tinhamos coisas em comum e estava com medo que fossem os tufos..

@na disse...

22

ardiloso disse...

não confundir os meus tufos com os das aranhas

@na disse...

mas olha que visto ao longe parece o centro de convivio de umas quantas

ardiloso disse...

óculos embaciados...
vou dar leitinho as minhas cabrinhas, uma boa noite para todas.

teresa disse...

ca noijo... tu rapa-me isso, ardiloso.

@na disse...

bo@ noite ardi.

ardiloso disse...

rapar o q? se todo todo rapado...querem lá ver

@na disse...

todo, todo, não...

teresa disse...

Que horror, ardiloso... isso depois arranha...

(e há pouco deixei um comentário lá para baixo a pedir-te encarecidamente para não ires embora, mas pelos vistos o blogger foi mais sensato que eu...)

ardiloso disse...

arranha nada, depilação, pele macia...
@na como sabes que não?

Anônimo disse...

olha tu levanta cedinho, também. Espero bem que passe a moda dos gajos rapados, gosto de fazer festas em pelo, embora eu seja pouco peludo.

Já agora, além de gato a minha outra alcunha por aqui é homem-aranha, mas acho que é porque nestes anos que por cá vivi esqueci-me 4 ou 5 vezes das chaves e em vez de chamar os bombeiros trepava pelas janelas até entrar na minha.

Voltou o Verão, é aproveitar

Anônimo disse...

infinitos, praia e manu chau

ardiloso disse...

festas a pelo, faço aos meus gatos.. ca noijo, homem peludo.

@na disse...

também tens gatos ardi? és uma caixinha de surpresas...

ardiloso disse...

todo eu sou... pertenço à liga dos animais, tomando atenção aos posts, já tinhado referido que tinha um altar.

@na disse...

desculpa, altar soa-me a sacrifício

ardiloso disse...

desculpa, altar soa anjinhos

Anônimo disse...

homem peludo (excepto gordos) eu gosto, ficam a ronronar como gatos sim, aliás eu gosto é dos gatos dentro dos homens, o gato dele e o meu ficam para ali

tenho patas que curam, dizem, e tenho que lhes dar uso

ardiloso disse...

aí já não é pelos... mas um novelão dos grandes

Gabsna net disse...

Gostas mesmo dessa casa. Eu gosto do campo mas em pequenas doses. O silêncio, as moscas, a solidão, as osgas, a minha imaginação fértil a pensar em assaltantes. O inverno.
Ok, vai distribuindo chaves ...

Anônimo disse...

poiz,

tu é bonito pá, parece um gato

Anônimo disse...

entretanto estava aqui a coçar-me e descobri que tenho de ir cortar o cabelo. tu cortas a ti próprio? Isto de ser máquina 1 pica-me a mim próprio mas não aguento quando fecha o coberto, fico abafado e até atrofio

Anônimo disse...

pronto, tá bem

teresa disse...

O Inverno é lindo aqui. Gosto de ver chover lá fora. E já disse que só de aranhas tenho medo. E solidão maior que a da cidade não conheço...

O Santo disse...

se o tema é distribuir chaves... também alinho

1 x 1 1 2 2 1 1 x 2 1 2 x 1

teresa disse...

14???? Fazes duplas?

O Santo disse...

ja fizeste refresh ao totobola?

teresa disse...

não... são 14, agora?? a tradição já não é o que era...

O Santo disse...

o super 14. apostas num resultado

teresa disse...

Nisso já eu apostei, só não sei se tenho sorte

gaija do norte disse...

(chefa, não te metas em apostas com o santo... ele acaba por perder e esquecer!!!)

teresa disse...

(comigo está com azar... perde e paga, que se fôr preciso é com o corpinho mesmo..)

@na disse...

UUUUUUUUIIIIIIIIIIIIIIIII

@na disse...

55

teresa disse...

Ui??? não vai doer... nunca mais se esquece, mas não dói...

gaija do norte disse...

AIIIIIIIEEEEEEEE, não?

teresa disse...

Não.... nadinha.... garanto.

assim também eu jogo disse...

Isso é uma ameaça ou uma promessa?

teresa disse...

cada um entende como quiser, mas se o santo se sentir ameaçado já sei que posso contar contigo para acender umas velas num santuário qualquer.

O Santo disse...

sou todo apost... ouvidos

tou quase quase a apostar ca chefe que amanhã ninguem comenta o cabra.

será que perco?

teresa disse...

Ninguém? Isso parece-me um pouco exagerado, mas se queres apostas é só dizeres. já sabes e que pagas que não há favores a amigos.

O Santo disse...

(mas é pagar co corpinho nao e???)

O Santo disse...

(é que corpinho de Santo paga muita coisa)

teresa disse...

e santo tem corpinho ou é só auréola?

O Santo disse...

arrisca... não estamos a falar de jogos de apostas? era isso o post não??

teresa disse...

a aguentas-te?

O Santo disse...

se prometeres que não começas às chumbadas...

teresa disse...

nunca chumbo com antecedência... primeiro tenho de examinar e depois é que faço a avaliação, que sou muito justa.

gaija do norte disse...

(isto vai dar chumbo)

teresa disse...

(e é do fino..)

O Santo disse...

so chumbei a desenho....

do resto tenho passado todos os testes com distinção, e alguns lovoures...

teresa disse...

terra de cegos...

@na disse...

Teresa, já ficaste a saber, não lhe faças desenhos, senão ele nunca mais percebe

teresa disse...

mas sem desenhos vai ser dificíl... só se pedir à gaija para fazer mais uns posts com instruções

@na disse...

acho que é melhor!!!

@na disse...

77 e podem ficar com as kpk's da caixa da saloia, eu não vou lá,mesmo!!!

teresa disse...

tens de ir que o ardiloso acha que sou eu e ele só acredita em ti..

@na disse...

ele se quiser que venha a outra caixinha àquela não vou, ainda apanho alguma doença de sopeira...arghhh

teresa disse...

isso é agora, na altura ainda não tinha mergulhado no caldeirão

@na disse...

não quero nem saber.... nem sei se nas caixinhas ao lado estou segura...

teresa disse...

também não sei, mas se a seguir ao almoço aparecer um post chamado as vtardes do blog é porque se alastrou mesmo a pimbalhice...

@na disse...

tu não te atrevas... tiro férias do blog até o post ir parar ao arquivo...

teresa disse...

ahahahahahah

ardiloso disse...

não se fiem muito... vou acreditando, enquanto for verdinha, mas já me pos zarolha, nao sei nao.....

teresa disse...

zarolha??

ardiloso disse...

sim... ela sabe do que falo (entre nós os 2)

teresa disse...

ai desculpem, já estou de saída...

@na disse...

já vais teresa?

teresa disse...

Fui corrida... trato-o mal e depois é assim...

ardiloso disse...

ai agora danças o corridinho?
posso ficar zarolho do outro, lá por causa disso, não quero zangas :)

teresa disse...

Desde que não seja o malhão eu até danço o vira.. só não gosto de bailes mandados.

@na disse...

tarda nada estão a valsar

teresa disse...

Prefiro o raspa... é mais do meu tempo.

o tangas disse...

Eu valso bem, mas prefiro o tango.

teresa disse...

é melhor o tango é, que se eu dançasse uma valsa contigo corria o risco de nem os pés consiguir pôr no chão

ardiloso disse...

consegues virar isto tudo..... mas prefiro lambada à valsa....

gaija do norte disse...

...ou então ele arranjava uma boa desculpa para finalmente ter um bando de massagistas tailandesas!

@na disse...

99

shark disse...

Sem.

@na disse...

101

ardiloso disse...

e nao se festeja?? YUPI.. YUPI

Anônimo disse...

eskupa lá ardil, mas é para rematar num primo