Os anos da música

Confesso que sou nostálgico neste ponto. Ainda prefiro que me saia aleatoriamente da caixa dos CDs no carro o Get Yer Ya Yas Out do que a Kate Perry. Só que depois a porca torce o rabo quando é preciso fazer o Top Ten (até o Top100 é muito complicado).
Os 60s são imbatíveis, mas recordam o Dark Side? E o Crime of The Century? Claro o Thriller. Like a Virgin?
O nosso boom, o Rui a puxar os óculos para cima envergonhado e dedilhando o Afurada, cruzar os braços e fazer gestos feios com os dedos ao som dos Contentores. Berrar os piiiis "Do Teu perfume..."
Estou agora a ouvir Vinicius, curiosamente com alguma vontade de ir para Paredes berrar com os Sex Pistols. Mas gosto da Amy. Estava, o CD passou para a Diana Krall, mas tocou Djavan e Caetano e Chico e ainda promete lá para a frente a Elis.
Pois, o ecletismo aqui também marca os seus pontos. Ainda arrepia o Povo que Lavas no rio na voz da Amália enquanto as mãos gostam mais do Homem do Leme em Lá menor. Smooth do Carlos ainda é dos que impede de permanecer estático, impossível. Mas os Buraca também não ficam assim tão longe quanto isso, surpreendente. Boss AC?
Olhando a volta aqui deste cantinho os anos andam próximo, será que as músicas também?

58 comentários:

teresa disse...

Nem de propósito - estou a ouvir o Album Azul dos Beatles...

O Santo disse...

cota.
eu vou no Joao Gilberto.

teresa disse...

ee já despachei hj,,, com peixinhos e tudo

@na disse...

azul é mesmo o The best of blues

quando o telemóvel toca disse...

Posso dizer a frase?

O Santo disse...

podes dizer o que quiseres que tambem nao te estou a ver a ouvir diferentes

O Santo disse...

sayago blues...

teresa disse...

queres ouvir o quê?? os peixinhos também, tubarão?

jurassic shark disse...

Eu sou um daqueles gajos que cristalizaram numa onda e nunca mais desencalharam dali.
Ouço Genesis, Pink Floyd, Marillion a toda a hora e a partir daí é próquemedá, mas sem grande entusiasmo.

@na disse...

ele deve ser mais peixinhas, teresa

@na disse...

11

O Santo disse...

Marillion... tambem ouço e gosto

(cota tambem este)

@na disse...

QUEEN, ninguém fala dos QUEEN??

O Santo disse...

quem?

@na disse...

inculto! anda lá mas é aos caracóis que fazem bem ao cérebro

O Santo disse...

o inculto fechou

mas agora que falas nisso conhecias aquele grupo do freddy?

bohemian... musica de culto

e ainda faz hoje 8 dias ouvi in loco o Barcelona com a Montserrat

@na disse...

grande som!!!

O Santo disse...

e Ramones? heyn?

ramona disse...

Isso era música prás betinhas que usavam camisolas tipo abelha maia e calças muito justas para nos atiçarem o ferrão.

gaija do norte disse...

é sim senhora! eu estou a ouvir a patricia barber (outra vez...) mas não me canso

teresa disse...

e eu a Feist.... tout doucement... Já agora e o Nike Cave, ninguém gosta do Nike Cave? E os Softmachine?

O Santo disse...

pras betinhas mas tambem berravas a Brava Dança dos Herois... nao era?

O Santo disse...

foi 22... vai pa janela vai

@na disse...

santo... tás um bocadinho armado em filho da pastilha elástica, não estás?

teresa disse...

a chiclete era de quem??

O Santo disse...

nha nha nha nha nha... (diz ele enquanto poe a mao aberta a frente do nariz com o polegar a tocar neste e mexendo os outros dedos)

e xiça que isto de explicar expressoes e cansativo

gaija do norte disse...

ali, não faço ideia onde, falaram do bate-o-pé. fica aqui a minha singela homenagem ao grande roberto leal!

shark disse...

A chiclete era dos Táxi.
E a bichiclete era de um motorichta da carris.

@na disse...

porqu~e nortenha, entraste no armário com ele?

shark disse...

Ah ganda Santo, lixa-lhe as capicuas para ela ver o que custa e não me empatar os sixty nines.

gaija do norte disse...

debaixo de um balcão lembro-me, dentro do armário acho que não!

O Santo disse...

sitios estranho gaija

O Santo disse...

33 pimba

@na disse...

eu um dia destes mostro-te o catrapumbo e depois vais ver como elas te mordem

teresa disse...

debaixo de um balcão??? gaija, isso dá post... mas conta, conta... (e dentro de um armário tenho uma historia das classicas...)

@na disse...

post! pras duas!

teresa disse...

olha que eu faço... estique-se que a gaija que eu já lá estou..

shark, é isso taxi... ai que falta me faz a xica..ela é que me aviva essas memórias...

@na disse...

e, já estás a escrever, espero!

gaija do norte disse...

eu não!!! não posso!!!

gaija do norte disse...

essa dos táxi para o shark, não era aqui, pois não?

(estou quase a verbalizar qual mulher ribeirinha...)

teresa disse...

ai podes podes.... olha, traveste-te, como os outros...
(já repararam que desapareceram os dois??)

gaija do norte disse...

estão a chuchar os dedos que estavam cheios de molho das bifanas!

teresa disse...

mas se falas aqui no roberto leal confundes-me logo...
e estão a chuchar nos dedinhos de quem?? nos deles? isso parece-me muito promíscuo...e dizem que é pecado e que ficam doidos... dizem, ouvi num sítio qualquer...

gaija do norte disse...

o que é promíscuo?

O Santo disse...

hummmm chuxar dedilhos e palitar os dentes... que bem que se esta no armario.. ou balcao... ou la o que e
(e o post malta???)

gaija do norte disse...

e o shark? ainda agarrado à bifana?

O Santo disse...

o arrobana... essa do elas morderem ate e outra boa ideia. mordem onde?

teresa disse...

morder... bifanas...armários... isto hoje parece um baile de finalistas...já me estou a ver de vestido azul claro às pregas... (e onde anda o Garfunkel??)

O Santo disse...

Kodachroo oo oome

teresa disse...

Tous les garçons et les filles de mon âge se promènent dans la rue deux par deux ...

gaija do norte disse...

ó teresa, do que me foste lembrar... já tinhamos falado desta!

O Santo disse...

e o Hotel a tocar 12 vezes seguidas? tambem tinham disto?

gaija do norte disse...

não, não tinha! eu e o hotel temos uma incompatibilidade qualquer. não gosto!

teresa disse...

Não gostas do Hotel?? Hummm...deve ser como as ostras...problema com a companhia...
E lembram-se do Father of Day Father of Night?

O Santo disse...

yap, mas father... and son, eese ainda tras mais memorias (e nem todas antigas)

gaija do norte disse...

tentei com várias companhias e não adiantou... idem com father of day father of night. e se o teu father and son é o mesmo em que estou a pensar...
demito-me, não comento mais este post!

O Santo disse...

que tens contra o gatito?

teresa disse...

ó gaija o truque era este - se o slow demorava mais de cinco minutos nunca, mas nunca, dançavas com chatos... nos primeiros acordes começavas a sair de fininho e só voltavas no fim...

Mas pronto, preferes este?

on ira où tu voudras, quand tu voudras
et on s'aimera encore, lorsque l'amour sera mort
toute la vie sera pareille à ce matin
aux couleurs de l'été indien