Ficção e Realidade




Sawyer, LOST, Josh Holloway, Cool Waters, actor, sexiest man alive, segundo algumas revistas, e aqui com a sua mulher, no dia a dia.


Continuando, 50% das relações terminam em ruptura. Das restantes 20% amam-se, 20 % são amigos e 10 % odeiam-se, digo eu, optimista.

Dos divorciados, a maioria dos homens que tiveram um casamento infeliz, afirma querer casar-se de novo, e geralmente fazem-no. As mulheres afirmam que não desejam voltar a casar, sobretudo se têm filhos.

Com o nascimento dos filhos , dá-se em todas as espécies, uma dedicação exclusiva da fêmea às crias. Os níveis hormonais descem e o macho é afastado. Isto também acontece na espécie humana, e muito para além das quatro semanas de que os médicos falam. Os anos seguintes ao nascimento dos filhos são muito stressantes. Uma época de divórcios, a crise dos sete anos, a dos 14 também... Os machos leais mantêm-se por perto, os outros arranjam hobbies, trabalho, amigos ou amigas, e muitas vezes há o afastamento do casal. Pois quando a mulher cai em si, começa a interessar-se de novo pelo mundo, o marido já não "está ali".

Com tudo isto admira como as pessoas continuam a casar-se, às vezes por muitos anos, outras, 3 e 4 vezes seguidas. É o amor... é o amor... só isso explica certas atrações. Mas amor mútuo, para sempre, é feito de quê? compatibilidade, paciência, maturidade...
Vou ali perguntar ao Josh.

23 comentários:

não comento e pronto! disse...

Eu esta jovem não a comento por ela não responder aos comentários que lhe deixam na caixinha.

teresa disse...

não me acredito... tu é que és pouco persistente ou pensas que vais lá s´+o com um abanar de barbatana?

jose disse...

...tanta estatística para quê? chora-se enquanto há lágrimas e morde-se enquanto há dentes! será o amor eterno? ou será como as borboletas, 'metamorfósico'? o que é o amor? isto dava 'pano para mangas'...

@na disse...

ele está habituadinho a gaijas fáceis é no que dá

jose disse...

puxa, ainda estão quase todos acordados...

é assim... disse...

As gaijas não são fáceis, eu é que sou irresistível.

@na disse...

a malta anda com o fuso horário um bocadinho trocado, é como o tempo... e os satélites

teresa disse...

e eu com visitas e sem poder estar aqui... amor eterno é feito de quê? De falta de alternativa...

Gabsna net disse...
Este comentário foi removido por um administrador do blog.
@na disse...

eu prefiro acreditar que existe.

@na disse...

11

@na disse...

11

Gabsna net disse...

Eu não atino com as capicuas...
Vou ver de que caixinhas fala o outro...

afinal havia outro disse...

O outro?
Isto são modos de se referir ao Shark, sua esta sua aquela?
Não há respeito nem consideração.
Nem respostas aos comentários, é procurar onde.
Um gajo aqui a dar-lhes carinho e a afagar-lhes o ego e elas umas ingratas...

@na disse...

elas? olha lá as generalizações...

teresa disse...

anda a generalizar muito este "outro"...

Gabsna net disse...

Perdão, referia-me a outro, senhor Shark, (ganda mentirosa).

teresa disse...

Ai o outro era o shark? Pensei que afinal havia outro outro...

outro que não o dito disse...

Eu nunca sou o outro. Os outros é que acabam sempre por vestir esse estatuto, mesmo quando o outro sou eu...

teresa disse...

amadores... ser o outro, ou a outra, tem muito mais graça...

Gabsna net disse...

Era o outro , eu ao Shark respondo sempre. ai nanas. (mas quem é que dizia isto ?)

teresa disse...

e eu papei o 22...
(qual outro?? e já arranjaste os originais das fotos para fazer aquilo??)

Gabsna net disse...

Não faças aquilo, eles eram muito cabeludos e pirosos, não vale a pena... E quem quiser ver vá ao meu blog aqui ao lado, gabs fora do rebanho, eles estão lá, todos desalinhados...