SERENDIPITY


E, por vezes, não posso deixar de ter a estranha sensação de que a história (ou estória, como preferirem) já está escrita.

Foi escrita milhares de vezes e repete-se incansavelmente ao longo dos milénios.

Que há pessoas que (re)encontro vida após vida após vida.

Há dias em que só dessa forma, este mundo faz sentido. Só com essa explicação posso entender haver pessoas que após 5 minutos de conversa, é como se fossem minhas amigas de infância. Só assim posso aceitar que me leiam um 'olá' e saibam que não estou bem ou vice-versa. Só assim é compreensível que tantas vezes haja males que vêm por bem. É que só assim é possível aceitar as voltas e revoltas do mundo.

Só mesmo acreditando que daqui a uns tempos todos estaremos juntos de novo e tudo fará sentido nem que seja por breves instantes.

6 comentários:

tereza disse...

achas que reencontramos todas todas?

calamity jane disse...

:-)

Mente Quase Perigosa disse...

Oh Tereza, há umas que eu dispensava encontrar outra vez. Mas as boas, as que me fazem (sor)rir, as que amo, as que me emocionam, espero que sim.

tereza disse...

E pode-se escolher?

Mente Quase Perigosa disse...

Issooooooo é que era...

shark disse...

Tens a certeza, Dóri, que isso não é daquele problema da memória e assim...
:)