E, para acabar a noite...

... A tal conversa das letras manuscritas que já não reconhecemos.
É que hoje até fiquei a saber que se publica uma revista só sobre caligrafia e que os manuscritos da Madame Bovary, com a letra do tal c'est moi mais conhecido por Flaubert, foram publicados na net mostrando ao mundo como se pode escrever bem escrevendo muito mal...

(Repescando)
Apeteceu-me, porque gosto de ter apetites a esta hora, lançar-vos um desafio - Mostrem a vossa letra!
A da Peixa, ou Perigosa, que o P. é sempre o mesmo, já cá canta e está mesmo aqui em baixo.
Da dos outros fico à espera.
E, como sou uma gaija maluca e gosto de chatear, peço aos senhores e senhoras da coluna ali do lado para publicarem um manuscrito também no blog deles, ou, tal como quem nos comenta e não tem blog, mandarem para aqui, que um dia, talvez, quase certo, nós publicamos.
Giro, não é?

52 comentários:

Visconde de Vila do Conde disse...

Bem, a minha letra é Verdana 12.

(às vezes mudo, não se esqueçam que sou um excêntrico, e mudo para Times New Roman 14...)

Visconde de Vila do Conde disse...

(Quer dizer que a Mente me arrebatou o título de "Mais Novinho do Blog"?)

sem-se-ver disse...

AHAHAHAH visconde, alta gargalhada no 5º esq...

:)



(filha, o desafio-corrente é giro, mas, no meu caso, seria equivalente a pôr uma foto do meu focinho no meu tasco. :)) passo, i'm afraid...)


beijos de bom dia

sem-se-ver disse...

(mqp, que linda e tão certinha letra - e legível!! - tens tu... és mesmo assim? :))

AnaT disse...

E quem não está na coluna do lado tb pode entrar no desafio?...:o)

gaija do norte disse...

peixa! diz-me que não tens quinze anos... diz-me que nasceste antes do 25 de abril de 74...

tereza disse...

Claro que pode, AnaT.
(E, quanto à coluna do lado vou já reparar o erro...)

tereza disse...

Visconde, sempre pensei que a sua letra normal fosse Bockman Old Style dedicando-se, até ao fim do mês, à Comic Sans.
O tamanho, como sabe, não interessa, o que conta é o que se faz com ela.

tereza disse...

SSV, já foste espreitar os manuscritos do Flaubert?

tereza disse...

(Gaija, acho que a Peixa nasceu na madrugada dos cravos...)

Visconde de Vila do Conde disse...

Tereza, isso de o tamanho não interessar é coisa que, de tão repetida, tende a transformar-se de mito urbano em dogma.

O tamanho interessa, sim. Exija, não se contente com menoridades...

tereza disse...

Visconde, nunca por nunca me dediquei a menoridades. Aliás, tenho até uma regra que nunca quebrei - vale tudo, menos serem mais novos que o meu irmão mais novo!

tereza disse...

Ana, já está e com um pedido de desculpas da casa pelo atraso no serviço...

calamity jane disse...

Lá vou eu ter de descobrir como se usa o scanner que tenho ali em cima da prateleira... Se bem que acho que nunca publicarás tal coisa, Tereza.

(malta, acho q a Peixa é da primavera quente...)

Visconde de Vila do Conde disse...

(elegante maneira de me colocar fora de jogo, com essa de eliminar os mais novos que o seu irmão mais novo...)

calamity jane disse...

(Tereza, tem piada que tb tenho essa regra... O pb é q só tenho uma irmã, e só tem menos 4 anos e 4 meses que eu. O que, convenhamos, não dá grande margem de manobra)

tereza disse...

(muita prática Visconde. muita prática... e tem sorte de não ter acompanhado o dito com um educativo carolo...)

tereza disse...

CJ, o meu irmão mais novo tem menos 3 anos e 3 meses que eu... como vês ainda estou mais espartilhada, mas puto é puto e há qualquer coisinha que me impede de tentar alargar as fronteiras.

AnaT disse...

'Bigada Tereza... mas nem era isso que estava em causa... porque para mim é um prazer aqui vir...

Quanto à letra vou providenciar...e postar lá no meu cantinho!...

Dia Feliz (e já vi que com sexo tb...;o))

tereza disse...

Eu sei que não era, Ana, mas não fazia qualquer sentido não estares ali. Era mesmo só distracção nossa.

AnaT disse...

Desafio cumprido...

[http://pimpinhasblog.blogspot.com/2009/04/minha-letra.html]

sem-se-ver disse...

eu sou a mais nova.





não posso ter essa regra.

tereza disse...

Indo...

sem-se-ver disse...

(*segredo: não tenho nenhumas quanto a idades)






(bem, não me vejo a ter um caso com alguém com mais de 60, mas já nao tarda muito que pessoas com tal idade sejam, a bem dizer, como que companheiros de carteira aqui da je)

tereza disse...

Então podes ser feliz sem limites...:)))

sem-se-ver disse...

e não gozem com a letra da mqp, que adorei!! e a curvinha na direcção do centro que ela faz no meio das frases? tão querido :)) fica assim mais estreitinha por momentos, mas ei-la de novo a alargar-se para a dimensão inicial. e, caramba, já referi como ela é LEGÍVEL?

tereza disse...

SSV, deixa-te de ser corte e pranta mas é a tua letra... Achas que não és legível??

sem-se-ver disse...

não, não sou.


:)


ie, os meus alunos, tanto os trato mal e sem contemplações (enfim, algumas no início, mas progressivamente a deixar correr o giz ao sabor da minha letra-tal-qual-é), primeiro ficam aterrorizados, depois lentamente só mantêm uma ou outra dúvida, e lá pro fim do ano - dos anos, qd os tenho no 10º e 11º - já a descodificam perfeitamente.

(diz-me a tua letra dir-te-ei quem és? sem dúvida: queres melhor metáfora para aquilo que eu mesmo sou para os outros, esta explicaçãozinha que te dei?)

:)


(nb: uma aluna, por exemplo, disse-me uma vez no final do ano lectivo: por muitos anos que viva nunca me vou esquecer da maneira como a professora faz os 't'. percebes por que não dá para a espantalhar na net? :)

(mas no próximo cozido, cabrito ou couve lombarda logo te escrevo qq coisa, pá, prometo que não na toalha de mesa! que não morras de curiosidade!!!)

sem-se-ver disse...

*o site do flaubert comoveu-me.



como de costume.

tereza disse...

Ora ainda bem que falaste nisso, no cozido e coisa e tal...

Eu tenho a tua letra! Eu acabei de ver como fazes os "T".
Tenho a tua letra colada no frigorífico (é um passatempo para quem cá vem) e tenho a tua letra n'A Cabra.
A questão agora é só uma - quanto pagas para não ter também a tua letra no Cabra?

(adoro chantagens porcas...)

sem-se-ver disse...

ahahahaah

tens????


mas eu nao lembro de ter escrito nada em tua casa!! :S escrevi?? ai a porra do alzheimer!! nao lembro mesmo :S:S:S


não pago nada, tu é que me ofereces o almoço, ora....

(também pode ser jantar)

(até lanche, vá, não sou exigente)


(já percebeste ou queres que te faça um desenho?)

tereza disse...

Já percebi já.... Pronto, eu telefono!

e não, na minha casa não escreveste nada, já vinha no embrulho... Na etiqueta autocolante, a tal indecifrável que jaz na porta do frigorífico, e na Cabra que vinha lá dentro.

Remember now?

(continuo à espera do teu preço...)

Visconde de Vila do Conde disse...

(Caramba, devo ser o únic ser vivo do planeta que nunca teve a Tereza a cozinhar para si...)

(Eu sei, é um sinal...)

calamity jane disse...

Somos dois, caríssimo...

tereza disse...

Visconde, eu costumo cozinhar mais para mi, mas por vezes também cozinho para dó.
Vou pensar no seu caso...

Visconde de Vila do Conde disse...

Calamity, e se fizéssemos um almoço da "Fundação dos Tipos que Nunca Foram Convidados para uma Refeição com a Tereza"? Podíamos ir almoçar, ou assim...

calamity jane disse...

Almoço, Visconde? Eu nunca almoço e raramente tenho sanduíches (a mais, digo). Tem de ser jantar, mesmo. Aceito o tal restaurante em NY...

tereza disse...

CJ e Visconde não posso concordar mais.
Aguardo, ansiosa, a informação de dia e hora para me deliciarem com uns certos shots de sopa e um ensopado de cação...

calamity jane disse...

Por mim é quando vieres cá acima.

tereza disse...

Esta rapidez com que disparaste ainda te vai sair cara, vai vai, Calamity...

calamity jane disse...

Ai, a minha avença!!!

(Visconde, diga lá como faz os zz piquenos antes que a chefa reveja o meu contrato...)

calamity jane disse...

Já tou toda trocada...

tereza disse...

Pois foi o que também me pareceu, mas deixa lá que o que conta é a intenção...

gaija do norte disse...

o post não é meu, mas com tanto assunto de interesse nacional...

o meu irmão é mais novo do que eu dezasseis meses. estava frita com a tua regra.

quanto à tal coisa dos tamanhos, não se iludam gaijos, claro que interessa!

ai os cozinhados da chefa! dois quilos, ouviste, dois quilos de cozinhados da chefa!!!

e por ultimo, cj, já lá tinha chegado, mas estava com tanta esperança que a nossa peixa o desmentisse...

(tão linda a gaija! parece que está a fazer os tpc's...)

sem-se-ver disse...

ahhhhhhhhhhhhhhhhhhhhhhhhh



pois :)))



(que imprudente fui :))))

O Santo disse...

x - 3 anos e 3 meses = y

mas se for v - 4 anos e 4 meses...

invisivel acho que vou pela tua opção.

(gaija, isso soa um nadita a desculpas...)

Mente Quase Perigosa disse...

Caro Visconde, pois que não sei se o arrebatei de alguma forma e/ou coisa...

Espero que sim, espero que sim...

Mente Quase Perigosa disse...

SSV, a letra é, regra geral, certa e legível. A dona dela, já é outra história...

Mente Quase Perigosa disse...

Gaija, let me put it this way: No 25 de Abril de 74, ainda não havia sequer ideia de mimm quanto mais factos.

Mente Quase Perigosa disse...

Bem, se vamos nessa de só não poderem ser mais novos do que o irmão mais novo... Por acaso, já tinha mencionado que tenho um irmão com menos 10 anos que eu? Digamos que acabaram de me dar um grande espaço de manobra...

Mente Quase Perigosa disse...

CJ e Visconde, depois hão-de me dizer onde me inscrevo nesse clube de quem nunca foi contemplado com comidinha da Chefa.

Só para eu me inscrever, não me estou a fazer ao convite para jantar, ok?

Mente Quase Perigosa disse...

Para todos: que queridos! Gostaram mesmo da letrinha, não foi?