Dias da net

Os dias na net passam muito depressa. De manhã levanto-me e vou ver as mensagens.
Faço o meu pequeno almoço, como e acordo os miudos. Dou-lhes de comer e vamos para a escola. Geralmente levo a Cookie, e depois passeio com ela à beira rio. É bonito logo de manhã, com a lama, as gaivotas e o sol. Quando há sol há muito velhotes, ou velhotas, a andarem de fato de treino, em grupos animados. Quando chove somos só nós, os dos cães, que têm que ser passeados antes de irem trabalhar, e são todos de raça, é a expo, claro...

Aparece então a Fernanda, loira e linda, de Espinho, com o seu Huskie. A minha, meia labrador e meia cão de água, meia doida, como a dona... adora-o e ele condescende em dar umas corridas com ela. Eu vou com a Fernanda. É muito simpática e simples, como todas as pessoas realmente bem educadas, e é do Norte, tem aquele sotaque. Aparece depois a minha prima Isabel, também loira e linda, hospedeira da tap com o Beagle giríssimo. Eu sou a morena. Mais velha, menos linda? Bem , escapo. Passa um grupo de gnr em clções a treinar "bom dia! " são muito simpáticos, e nós também...

Vamos depois para a esplanada do café, onde estão a Manuela, a Ana, casadas e domésticas, a Luíza, profesora e mãe pela terceira vez aos 47 anos, a Paula, delegada de propaganda , a Maria, que trabalha com o marido. E eu . Divorciada. Dois filhos. E então a net? Tens saído? Malditos anos em que levada pelo vinho confessei andar nas nets... A curiosidade é enorme. E falas com quem. E onde estão? E o que fazem. E são solteiros, casados, divorciados? E que é isso dos clâs, jantares? Apetece-me falar de orgias, swings, aventuras e roubos. Engates ou sexo virtual. Mas não, são pessoas normais, só que têm nicks, carros e motas em vez de carros, e a maioria gosta de falar de si, sobretudo. Podem ser quem quiserem, inventar o que quiserem. Mas na verdade, acredito que querem ser apenas eles próprios, tal como são na verdade.

3 comentários:

O Santo (nem sempre de serviço) disse...

é desta que compro um cão para ir passear pa expo. Tem mesmo de ser de raça ou pode ser rafeiro como o dono?
Se pudesse ser a pilhas entao...

zbeb@ disse...

Eu tenho um coelho de alta cilindrada.Se quiseres, empresto-te...desde que regresse com as manchas todas.

teresa disse...

Conheces o filme "As noites de China Blue", ( Crimes of Passion) com a Kathleen Turneer?