A galinha da vizinha é sempre melhor do que a minha?

Ou vamos mesmo enveredar pela estratégia cartesiana?
Bute na dúvida metódica, chefe?

(Eu raramente reparo na galinha, pelo que a resposta só pode estar na vizinha mesmo. E ovos só a cavalo. É um fetiche.)

37 comentários:

teresa disse...

Eu gosto mais de galos. O da vizinha é que já nem crista tem.
E duvida minha, tubarão, nunca poderá ser metódica ou não era minha..

shark disse...

Seja como for, será uma dúvida provisória.
The truth is out there.

teresa disse...

Out there está escuro como breu...

gaija do norte disse...

estiveram o fim-de-semana caladinhos... hoje é o dia da nozada!! podia comentar os três últimos post aqui, mas entre duvidar e acreditar, ovos com galos e cenas da maioria, vou ver se a gata dorme que é mais saudável… (e agora ainda chega a chefe com o breu!!)

teresa disse...

E tens alguma coisa contra o breu?

gaija do norte disse...

Eu gosto de tudo às claras, mas não tenho nada contra o breu. Cada um come do que gosta mais...

(e agora parou ou ainda aparece aí o outro a dizer "que tal comentar o post?")

shark disse...

Faça-se luz, gaija!
A chefe hoje oscila entre o ligeiramente duvidoso e o medianamente sorumbático, pelo que é nossa obrigação iluminá-la.
(Em terra de cegos quem vivia no breu foi quem mais se flixou.)

teresa disse...

Isso é para mim?? Logo hoje que estou tão bem disposta..

E que tal comentar o post? (não consigo pôr aquele ar de gentleman e fazer um sotaque very british..)

shark disse...

(Quem é esse outro? Qual é a piada de comentar posts quando se tem comentadores desta dimensão, homessa?)

gaija do norte disse...

ó chefe, eu bem queria vir em tua defesa, que essa da falta de iluminação no meio dos ceguetas não me parecia vir de ti (mas isto hoje está complicado...)

shark, o outro é o teu estimado parceiro...


(chefa, já agora mais uns pontitos para mim... portei-me bem...)

teresa disse...

O outro é o nosso santo, que tenta desviar-nos dos caminhos da perdição.

O Santo disse...

pois shark, ao que parece não nos safamos pela dimensão.
mas tens toda e a alegoria não poderia ser mais bem aplicada - do breu nasce luz, assim como da dúvida nasce a crença.
So nao sei onde nasceu a vizinha...

O Santo disse...

ena tanto comentario ao mesmo tempo. esses pontitos é a ver se te safas com amaciador como bonus?

O Santo disse...

e no 1º comentario na aparece a razao.... tens toda a razao (pq sera que omiti a razao?)

gaija do norte disse...

pronto, já cá faltava a eminência. agora é que entra tudo nos eixos. não há dúvida nem galo nem vizinha brasileira que se aguente.

(o amaciador é outra conversa)

O Santo disse...

nem gatas (sem desprimor pelas brasileiras)

teresa disse...

alguém falou em amaciador?? palpita-me que vou precisar de muito..

Gaija, todos os pontitos para ti..

gaija do norte disse...

(só depois me lembrei que essa era a vizinha da administradora...)

e que tal comentar o post?

teresa disse...

ó gaija, eu discutia era a problemática do confessionário, que eles calavam-se já..

O Santo disse...

nao percebi plo post quem se calava, ou eram ambos? e donde vinham os ruidos entao?
gaija... tu estas a prender umas coisas (parece eu a falar). O que nao se faz por um branco mais branco

shark disse...

Sim, o post. Podemos começar por comentar a minha perspectiva acerca da vizinha?
Podemos depois passar ao valor nutritivo de uma canja ou assim (um post pode dar pano para mangas, mesmo que sejam as da vizinha penduradas no estendal)

shark disse...

(ò gaija do norte tu também és muita gira, pá. Pensava que só no sul é que circulavam as brasas...)

Isto pode soar trolha mas como vem de fonte insuspeita é mesmo um simples e desinteressado elogio. Pergunta à Teresa que ela sabe que eu nessas coisas sou um eunuco, um cego na terra dos zarolhos.

shark disse...

Voltando ao post...
E a cena dos fetiches, é mesmo um tema fascinante ou não é?

teresa disse...

E é vizinha de cima ou de baixo? Só para tentar perceber a perspectiva.

Gaija, ajuda aqui na canja, que os miúdos estão a ficar muito cozidos e ainda nem lhes demos o arroz.

O Santo disse...

but fetichar... se nao tivermos de apanhar de novo com o imaginar do imaginario destes masculos latinos

shark disse...

Eu por exemples adoro as fardas das enfermeiras. Não faço questão, pois um homem demasiado esquisito na indumentária acaba por dar em estilista, mas assumo que é uma farpela montes de sugestiva.

já tenho um torcicolo residente e tudo disse...

(É a de cima, topas?)

O Santo disse...

eu nao me sai da cabeça as gemeas suecas de 18 anitos e mamas grandes. e mais, nao percebo porque isso nem passa pela cabeca delas. se calhar por serem estrangeiras

teresa disse...

Mas isto hoje não pára??

Enfermeiras Shark?? Bora, tamos aqui tamos a brincar aos médicos.
E o torcicolo é mesmo onde? Queres que dê um jeitinho?

gaija do norte disse...

ó chefe, o shark afinal é trolha ou zarolho? pensei que era só guru (!!!)

tu santo deixa-te estar que estás é danado pq não ganhaste o passatempo.

é sim shark, um fetiche é sempre fascinante, mas a vizinha vem com o ovo a cavalo? ou já leva a canja feita? e se engorda com a dita e depois ninguém pega no 3º dto, ou é na vizinha mesmo?!?!

gaija do norte disse...

agora é para brincar às casinhas? vou ver a gata outra vez..

O Santo disse...

o passatempo era pa gaijas... assim nao vale

shark disse...

Enfermeiras, sim senhora. E sem underware, o toque pornográfico que nenhum fetiche dispensa.
Mas agora tenho mesmo que ir dormir sobre o assunto. Ou sob o assunto. Ou mesmo de lado, pois os assuntos são como as cerejas (como esta sessão de comentários comprova).

Olha lá, ainda tens dúvidas ou deixei-te toda esclarecidinha?
Também foi bom para ti, refraseando?

shark disse...

Gémeas suecas? Isso é um clássico, parceiro!
Tomas algum suplemento vitamínico ou é mesmo tudo redbull natural daquele que nos dá asas no sítios mais recônditos?

Apesar do estado de conservação dos meus 43 anitos, às vezes cedo à tentação do fácil e substituo uma das suecas por um compincha mano-a-mano perde pagas.
Mas isto já é matéria reservada ao confessionário, foi só um lamiré para a pessoa poder falar abertamente de unicórnios, bruxas más, bruxas boas e outras fantasias.

shark disse...

(Também trocava a sueca pela vizinha, bem vistas as coisas.)

gaija do norte disse...

tu ainda sonhas com as gémeas? mal souberam que estavas na tal lista internacional, fugiram!!!

gaija do norte disse...

cá para mim, nem vizinhas nem enfermeiras, nem gémeas. ó chefa, anda cá que o mercado está mau para nós... sim, que nós também temos fetiches, ou não.
(isso não é perder tempo???)

ainda estou a fazer contas ao santo. esse é que deve ser mesmo amigo do bispo...