Sardinhada

Foi imaginada para um espaço aberto, de fogareiro às costas, brasas e pão à farta. E sardinhas claro.
Porém, a dificuldade de se estar numa metrópole aliada às elevadas protecções contra qualquer pirómano que pretenda acender algo mais que um isqueiro tipo BIC, levou o grupo todo para um restaurante em Belém.
Lá se foi o fogareiro, as brasas, os copos de plástico e os sacos do lixo. Mas houve sardinhas e pão à farta. E risos, bocas, gargalhadas, brindes e sangria. Com cuidado que de tarde tinha de se trabalhar.
Porquê este post, perguntam já com um ar desconfiado.
Algum português nunca passou por isto?
Vai uma sardinhada?

11 comentários:

tudo menos sopa de barbatanas disse...

Eu alinhava, mas para isso teria que comentar o post.
Por isso não sei de que estás a falar e vim aqui só pró cumbíbio.

gaija do norte disse...

em casa dos meus pais faziamos sardinhadas dessas, das antigas, sem medo dos pirómanos. juntavamos a família toda nas mesas do relvado e acendiamos dois fogareiros grandes... nunca mais comi sardinhas tão boas como aquelas!

O Santo disse...

comentador nautico, não me digas que conheces algum peixinho que não goste de passar pelas brasas.

binde pa sul pa, comes aqui umas sardinhadas de se lhe tirar o chapéu. E tras as francesinhas.

Gabsna net disse...

Na brasa estou eu, aqui de férias, está vento não dá para perceber que queima... E invejem-me colegas, estou aqui na casa da chefe, na net, piscina, batata a murro, grelhados, e eu na cervejola sem fazer nenhum....hehehe

teresa disse...

(ela ainda não sabe o que a espera... relva para cortar, cães para dar banho, levar o lixo ao contentor e aturar-me os gajos que não tarda estão a aparecer, que hj é sábado à noite... ou aturo-os eu, que são giros, e ponho-a mas é de serviço às caipirinhas...)

O Santo disse...

(inda esperei ofertas de sangria de frutos silvestres, mas...)

ja agora teresa, quando convidares para ir ai um fim de semana relembra para eu vir ler este teu comentário, sff... tá bem?

gaija do norte disse...

ó injinho, sangria de frutos do bosque e sardinhas num cumbina!!!!

O Santo disse...

nao comiamos sardinhas, agora arranjar desculpas esfarrapadas é que custa aceitar

teresa disse...

santinho lindo de morrer, queres passar um fim de semana na minha casa?

O Santo disse...

quero, claro. que estamos no verão e agosto é para ir prá praia pró algarve.
mas tenho a sensação que deveria ler qq coisa na net antes desta resposta. como não me lembro o que era.... vou.

teresa disse...

e cá para mim, que nem sei nada, só dou palpites, vens direitinho para o grupo dos caras-pálida...