Cada coisa que se vê

Sabiam que os londrinos já têm o metroku?

17 comentários:

teresa disse...

e ficaste cliente?

@na disse...

do metro ou do k....?

teresa disse...

capa?? Coitado...

@na disse...

era ku

teresa disse...

era? mas desfez-se dele? é pena, que era bem giro... verde, mas giro...

Gabs disse...

Pois, para fazer no metro. O sudoku. Quando lá fui a diversão foi ficar parada às dez da noite no Soho e ter de sair naquela estação pois havia um pacote suspeito na linha....e depois ir a pé à procura de outra...

@na disse...

ahahahahaha

O Santo disse...

sim sim, eu tb arranjei uma desculpa semelhante para andar a pé plo soho sem parecer mal....

Gabs disse...

Aquilo é perfeitamente seguro... o pior foi o raio do alarme de incêndios no hotel a meio da noite e o pessoal de pijama na rua...
japoneses em cuecas...argh...eu levei o casaco...

O Santo disse...

uau, o casaco de peles? so o casaco por cima das meias de renda com ligas e da lingeri rendada e... (a que horas posso completar o comentario??)

teresa disse...

pois..eu fui parar a Portobello Road em dia de feira e fui logo cravada em 5 libras para uma foto com uma maldita de uma cacatua no ombro... e paguei, ai nanas que não paguei...
(mas já vos contei quando fui ao Hippodrome?... isso sim, valeu a pena...)

Gabs disse...

Aí está ele a divagar...pijama de flanela...

Pois, chefe, eu em Portobello Road comprei um chapéu preto que parecia uma limpa chaminés...hei-de procurar essas fotos e por aqui,,,e daí talvez não...

teresa disse...

e eu comprei um blusão de couro da RAF...

(pijama de flanela??? de flanela????)

O Santo disse...

5 libras por uma foto? lorpa

teresa disse...

E há mais de vinte anos, mas que queres era a primeira manhã do primeiro dia da primeira ida a Londres, o raio do pássaro estava a arranhar-me o pescoço e eu queria era sair dali viva. Mas o melhor é que pediram a morada para mandar a foto para casa... e eu dei... e dei as cinco libras...e mandaram a foto!!! Gente honesta é o que é...

Gabs disse...

Nem era flanela, nem era turco, pois na verdade eu vesti-me com todos os vagares e até levei botas.
Não acreditei que era a sério. Até ver o carro dos bombeiros...

teresa disse...

Sabes a história do Tio L em Chicago? Telefonaram para o quarto do hotel às 4 da manhã a dizer que havia um incêndio no hotel e tinham de sair imediatamente. Quem atendeu o telefone foi a D que o acordou logo pronta a sair dali a toda a pressa. Ele, que como qualquer B. que se preza não salta da cama por dá cá aquela palha, ligou para a recepção para saber se era mesmo preciso... Não era, era uma tentativa de assalto e passaram o resto da noite com os detectives do hotel no quarto...