Falando de pessoas

Hoje acordei muito mais cedo do que me é normal. O carro tinha de estar cedo na oficina para revisão e nestas coisas o cedo é um ponto importante para evitar a confusão, de modo que ainda o sol não iluminava o horizonte e já o despertador ressoava pelas paredes do quarto.
Enquanto degustava o copo de leite matinal e tentava abrir os dois olhos em simultâneo, achei por bem verificar o que os meus colegas tinham escrito na noite de ontem porque o serão foi passado sem informática.
Utilizando as tecnologias móveis (já sei que não posso dizer que é um Nokia com wifi), e dispondo também do acesso sem fios que os meus simpáticos vizinhos me disponibilizam em certas zonas da residência (se algum dos meus vizinhos estiver a ler este post, importa-se de por o AP mais perto da janela se faz favor? é que nalgumas situações o sinal é fraco. Agradecido), li os últimos posts com alguma atenção. E não sei se por ter madrugado ou pelo interesse dos assuntos quase que poderia citar de cor os posts e os últimos comentários escritos, até porque se resumem a duas palavras - Soraia Chaves.
Achei que Soraia Chaves era um excelente tema para um post. Soraia Chaves (isto é só para garantir que o Google cá chega) pode ser até a origem de diversos convites de jovens simpáticas senhoras da RTP1 para entrevistas ou comentários em programas de elevado share. Não sei de onde me ocorreu esta ideia mas tem surgido com alguma insistência. Ou quem sabe um fim de semana com a dita para uma avaliação mais profunda do ser... Umas férias na neve...

10 comentários:

teresa disse...

Quem? Onde? Não percebo nada...

(e se tratasses antes dos backups, que como já percebeste a gaija pode dar cabo disto a qualquer momento, e te deixasses de aventuras na neve?)

Visconde de Vila do Conde disse...

Sobrinho, "Soraia Chaves" é uma fórmula que pode não designar exactamente a jovem Soraia Chaves. É um ícone que designa formas suaves e peitos generosos. Uma generalização, portanto.

O Santo disse...

feito xefa (bolas... nao se pode ter 1 minuto de descanso)
mas titio, tb nao me importo de ir po calor de uma lareira no xale da suiça com um ícone de formas suaves e.... ou dois.

beto catatau disse...

Vejam lá se aquilo pode ser conduzido só com carta de ligeiros...

Rachel disse...

Ah, bom! Afinal a "Soraia Chaves" é só a personificação de todas as gajas boas, que falam quase sem mexer os lábios e quando o fazem é em tom sussurrado e titubeante, assim um titititututu com boquinha desenhadinha, tipo Betty Boop, pupupiru-uh!

Continuo com a mesma opinião, Senhor Visconde, mesmo não sendo a Soraia Chaves, mas uma Soraia Chaves, os predicados da sua distinta e mui fidalga linhagem ficam, definitivamente, pela rua da amargura.

Visconde de Vila do Conde disse...

(Rachel, não diga a ninguém, eu na verdade gosto mesmo é da Júlia Pinheiro, só que, se admitir a coisa publicamente, sou ostracizado por esta sociedade que nos amordaça, nos amarra e nos cerceia a liberdade de poder dizer livremente "Eu prefiro a Júlia Pinheiro à Soraia Chaves")

teresa disse...

Visconde, tenha termos!

Rachel disse...

Visconde, paz!
Não vê que as gajas são umas imbejosas?

Para a próxima digo só que a Soraia não presta, mas em silêncio absoluto no que toca aos seus predicados, pregaminhos e coisas que tal.

Xiça...

O Santo disse...

Rachel, mas esse e mesmo o problema. Comprovar que a Soraia e uma personificação. E tou perfeitamente disposto e disponivel para provar...

Gabs disse...

E sobre xixis e assim, não tens nada a opinar? Como canhoto e tal?