Ainda a opinião da Igreja

Gostava mesmo de saber se o que está a ser criticado é a opinião da igreja sobre o sentido de voto, se é a forma como foi dito ou se pura e simplesmente não concordam com a posição.
E já agora, também acham que o Vaticano devia utilizar a riqueza do estado em bens e obras para minorar a pobreza no Mundo? É que isso é um assunto da sociedade civil.

5 comentários:

sem-se-ver disse...

1. é tudo isso.

2. sim.

Anônimo disse...

de mim vais saber sim, mas é escrito em nome próprio e lá mais para a frente,

z

Emiele disse...

Cá por mim a opinião da igreja não vai mudar o voto de ninguém. Se calhar nem sequer nem a proposta do PS vai mudar o voto, quanto mais...
De resto a Igreja é a Igreja e olhem que até tem mudado um pouquinho, não se pode esperar assim uma «revolução cultural» sobretudo com este Papa.
Mas tu que és Santo é que deves estar por dentro dessas atitudes do Bispo de Roma :)

Emiele disse...

Hummm... reli o que escrevi e não está claro.
Na segunda frase o que eu queria dizer é que quem ia votar PS ou não ia votar PS, apoia-se noutras coisas e não nessa conversa do casamento. Duvido que mesmo sem este «conselho» dos senhores padres, quem ia ou não votar mude por causa desta proposta.

Anônimo disse...

aproveito aqui: parabéns Teresa, que seja um dia feliz e um ano feliz pela frente, são os meus votos,