Traição capital

Estou aqui para manifestar a minha profunda solidariedade para com um Cabra deste curral que eu não identificarei por uma questão de solidariedade e também de profundidade (na tabela classificativa), na sequência do acto de traição vil do meu Glorioso para com outro ilustre (no tempo em que a Amália começou a carreira) clube da capital.


É verdade, o Benfica não fez o jeito e o tal clube do tal Cabra vai deixar de fazer parte das nossas picardias clubísticas (a menos que não lhe calhe o Unidos de Arcozelo FC na Taça de Portugal e sim um dos primodivisionários devida e proporcionalmente representados neste blogue em função da sua relevância à escala nacional, internacional e mesmo interplanetária). Não mais os pastéis de nata (ou natas, para os esquimós) voltarão a ser tema de postagem futebolística regular, até porque todos sabemos que não interessa à malta o resultado do tal clube da capital nas suas partidas com o Barreirense ou o Varzim e porque não aguentaríamos o sofrimento implícito do tal Cabra que não identifico por não o querer ainda mais embaraçado pelo desgosto de ter que gritar Beelléééémmm em ligas de honra (mesmo que quaisquer ligas possam fazer milagres pela sensualidade dos cepos com pés que tivemos ocasião de contemplar alguns posts atrás).

Assim sendo, resta-me aprofundar ainda mais a cova onde deposito a tal solidariedade que não é palavra vã neste blogue. Tal e qual como a saudade de um derby lisboeta entre o tal clube azul e o Atlético seu vizinho ou mesmo o Oriental, cada vez mais próximos de regressarem às últimas páginas d'A Bola ou às parangonas do programa Liga dos Últimos que será o novo palco para as glórias em pastel. 

20 comentários:

gaija do norte disse...

por solidariedade (é sulista mas também é azul!) e à falta de natas, vai mais um waffle!

Chefa solidária com o pobre disse...

Tu tá calado que ainda vou ver o teu Glorioso a perder na Luz com o Olhanense...

shark disse...

Rapariga, tu controla-te!

Mente Quase Perigosa disse...

Oh Chefa Solidária, tem lá calma que nesse dia até se me divide o coração em 5!!!!

shark disse...

Só depois da briosa acompanhar o Belenenses na sua caminhada...

e tenho de entrar assim que a Peixa ocupou-me esta merda disse...

Briosa é com letra grande, ó tubas. (e isto para não te dizer o que me apetecia...)

Peixa com a barbatana entre as pernas disse...

Bolas, tou a sair que a Chefa é briosa do seu computador!!!!!

:p

shark disse...

Não digas o que te apetecia porque a malta não quer entrar em pormenores... :)

Em letra grande porquê, achas que a malta tá a precisar de óculos para ler os títulos quando chegar a vossa hora da despedida e o subsequente encanto?

ca barbatana adonde??? disse...

Ó peixa!!!!

tereza disse...

Ó Peixito, o nosso subsequente encanto é mesmo esse - até na despedida, quando e se, temos charme. Podem vocês dizer o mesmo?

podemos sim senhora, que nem uns malukos disse...

O mesmo.

gaija do norte disse...

taditos, claro que podem! estamos ou não num estado democrátio?


(eu sei que não, mas os senhores ainda lhes permitem estas liberdades...)

(charme?)

gaija do norte disse...

(já sei... é democrático!!!)

tereza disse...

(Ó para o maluko já a treinar...)

Mente Quase Perigosa disse...

Ca barbatana adonde???, Ka foi???

shark disse...

Então tu metes a barbatana entre as pernas? Isso é digno de uma contorcionista chinesa, Peixa!
:)

Mente Quase Perigosa disse...

Porque é que achas que eu tenho canadianas em casa, Bruce???

O Santo disse...

Honra... A palavra chave aqui e honra.

E pro ano lutamos plo titalo

gaija do norte disse...

santo, amigo, a gaija tá contigo!
(este sempre é azulinho, vá...)

shark disse...

Olha, parceiro que me abstive de identificar no post mas agora já toda a gente fica a saber quem é, o gaijo tá com a Gaija e por isso tá contigo por inerência.

(Eu sei que isto pode soar estranho, mas temos que ter em conta o efeito doppler do esquentamento no raciocínio das segundas-feiras.)