Madrugada fora

Deixou deslizar as mãos ao longo dos flancos da sua amante e só começou a penetrá-la quando finalmente lhe fincou os dedos nas ancas. Sem pressa, passeou até sentir o apelo húmido que o convidava a entrar, pernas abertas que depois cuidou de fechar para aumentar o aconchego quente daquele espaço anfitrião.

Beijou-lhe a nuca enquanto a fazia sentir o tesão, possante, tão fundo quando as duas anatomias o permitiam daqueles corpos que sentiam sem restrições as alegrias do prazer a dois que os movia por inteiro naquela ocasião especial.

 

Agarrou-a pelos ombros para a puxar de encontro a si e depois puxou-a com a firmeza quanto baste pelo cabelo comprido, lindo, espalhado pelas costas que não tardou a comprimir de novo com o peito quando nela se deitou para a beijar outra vez, na face, no pescoço e em cada pedaço de pele que conseguia alcançar.

Só parou quando a ouviu gritar, virou-a para cima e começou a percorrer-lhe o corpo com os lábios da cabeça aos pés, ida e volta, até acabar por se concentrar por inteiro naquela zona cujo cheiro o inebriava, tudo nela o encantava, executando na perfeição tudo aquilo de que a sua boca era capaz para a levar de novo ao delírio. E ela já sentia como um martírio a ausência do pedaço erecto de homem dentro de si quando gritou outra vez o resultado daquilo que lhe fez o amante que já subia até aos seios que beijou enquanto de novo a penetrou, correspondendo aos anseios que decifrava, experiente, no timbre daquela voz tão quente que o conduzia em quase tudo o que fazia para lhe agradar.

 

Acabariam os dois por gritar em uníssono a felicidade bem fodida que sabiam ser do melhor que a vida teria para lhes oferecer e depois adormeceram colados até o sol começar a nascer.

32 comentários:

calamity jane disse...

Começo a considerar seriamente a possibilidade de a minha vida se encontrar actualmente condicionada (leia-se negativamente) por aquilo que eu definiria como "excesso de ficção"...

AnaT disse...

Boa Shark! A ver se anima as hostes! E de aquece o ambiente!

sem-se-ver disse...

ok

Mente Quase Perigosa disse...

Acho que vou começar a refilar todos os dias...

;o)

shark disse...

Lamento que assim seja CJ, mas olha que eu até já sei com quem irei interpretar este mesmo guião.
Não tarda muito deixa de ser ficção...
:)

shark disse...

Não foste tu, Ana, a utente reclamante da temperatura das postas?
Voilá!
:)

shark disse...

Tá bem, ssv. Ficamos assim conversados...
;)

shark disse...

Não foste tu, Peixa, a parceira reclamante da ausência de sexo?
Voilá!
:)

Mente Quase Perigosa disse...

Claro que reclamo! Ontem fui fazer teste e mais uma vez, sexo népias!!!!

AnaT disse...

Vou juntar-me à Mente e passar a reclamar mais vezes ;o)
Sim porque há que satisfazer o consumidor!...

(aquele comentário de que já sabes com quem... e que vai deixar de ser ficção... não comento!:o))

sem-se-ver disse...

correu bem, mqp? o teste?

Mente Quase Perigosa disse...

Correu bem, SSV. E tive 11 no outro.

Começo a achar que se calhar até tenho um ou dois neurónios a funcionar.

gaija do norte disse...

peixão, isto é aquecer a ialma!!!

shark disse...

Espero que a tua tenha ficado bem agasalhada, Gaija...
:)

shark disse...

Mea culpa, Peixa...
Perdoa o teu amigo esqualo.

shark disse...

AnaT: (não comentes).
;)

sem-se-ver disse...

ok, mqp. ainda bem.

11 é que me parece fatela para uma pessoa do teu gabarito - se calhar mais estudo (pelo menos nos dias antecedentes aos testes) e menos cabra permitir-te-iam outro rendimento?



(desc lá o tom maternal. preocupação genuína)

Mente Quase Perigosa disse...

SSV, quando fiz este teste ainda nem era Cabra... Tinha era a vida do avesso.

(de qualquer forma, sou sempre melhores em orais...)

Mente Quase Perigosa disse...

Além disso, uma coisa que eu aprendi com a idade é que mais vale sermos felizes que sermos perfeitos. Acredita em mim... A vida é demasiado curta.

sem-se-ver disse...

lol. a quem o dizes, querida. a quem o dizes :-)


(e ok, perdi uma boa ocasião para estar calada :))

Mente Quase Perigosa disse...

Qual quê, Mulher? Tu não te cales! Era só o que faltava!

AnaT disse...

Gostei dessa tua frase do "mais vale sermos felizes que sermos perfeitos"! É isso mesmo!

sem-se-ver disse...

:)

escarlate.due disse...

ah ah mal comecei a ler o texto pensei "este é do Shark" e no final lá estava bingo!!! já começo a conhecer-te a escrita :)



alguém me diz se a Chefinha está melhor???? alguém faz o favor de lhe dar o beijo que deixo?!

calamity jane disse...

Quando fizeste o teste nem eras do cabra, vígula. A Chefa diz que antes de o ser já o eras...

Mente Quase Perigosa disse...

Ok, mana, o que eu queria dizer é que ainda não tinha o cartão de sócia efectiva!

sem-se-ver disse...

o tal cartão da associação nacional de vampiros á conta dos quais és encarteirada em trincas?

Mente Quase Perigosa disse...

Esse é outro, SSV. O de vampira já tenho há 14 anos. Cabra só sou há uns mesitos.

E agora tava aqui a pensar nos chupa-cabras e se ter os dois cartões não seria uma incongruência...

Só questões importantes...

:p

calamity jane disse...

que história é essa da vampiragem???

Mente Quase Perigosa disse...

Sou eu que sou uma orgulhosa detentora do cartão da Associação Nacional de Vampiros.

tereza disse...

Apanham-me fora resvala logo para a pouca vergonha..... masquéquéisto???

zeloso e cumpridor disse...

Chefa, foi a resposta a duas reclamações! Eu dei sequência dentro da missão de perseguir a excelência que tu, nossa líder e mentora, não tens podido cumprir por motivos que não importa aqui referir e nunca mais chega o Verão para a gente ligar as ventoinhas e assim...