Ponham-se quietos

Está aqui uma gaija a tentar ler a produção das últimas seis horas e meia e vocês não há meio de se calarem um bocadinho... Assim não há condições!!!

5 comentários:

tereza disse...

ninguém te mandou trazer o portátil e esquecer a bateria...

calamity jane disse...

Tinha de manter tradição do tasco:
cabra que se preze fica sem bateria pelo menos uma ou duas vezes na vida...

tereza disse...

Há quem esteja quase sempre sem bateria.
(ou pelo menos só dá para um chega-te arreda-te, QED...)

Mente Quase Perigosa disse...

De quem estão a falar?

calamity jane disse...

Não faço a mínima, mana. Pensei que me ias esclarecer.