Uma achega para aquele assunto que nos tem entretido

E agora que todos se pronunciaram sobre o caso Manuela Moura Guedes, as atenções podem voltar-se de novo para um tema realmente interessante. Afinal, com o calor que está lá fora, quem foi que disse que a silly season já terminou?

12 comentários:

Visconde de Vila do Conde disse...

CJ, atendendo ao facto de não se vislumbrar entendimento sobre este tema, estou aqui tentado a dar o meu contributo, feito de experiência, sobre os atributos masculinos que verdadeiramente deixam as mulheres em estado efervescente. Que lhe parece?

shark disse...

Visconde, não se deixe atrair pelo redil correndo o risco de partilhar informação dos ficheiros secretos da malta...
É como amigo e companheiro de luta que lho recomendo.

Visconde de Vila do Conde disse...

Calamity, por razões de ordem confidencial e de interesses elevados sou obrigado a retirar a minha oferta vertida no primeiro comentário a este post. Certo do seu entendimento das razões que me assistem, fico ao dispor para esclarecimentos.


(Shark, meu caro, deslumbrei-me. Obrigado pelo reparo, esteve mesmo quase...)

calamity jane disse...

Logo vi! É como dizia uma mulher de grande sabedoria que conheci em tempos: "Na hora da verdade todos têm de ir pra casa..."

(ou acaba-se-lhes a bateria9

(sim, Caríssimo, eu sei que sou deslumbrante, escusava era de me expor dessa maneira e ainda por cima em público...)

Mente Quase Perigosa disse...

(Eu não acredito que tu voltaste com a história dos tamanhos? Tu queres ser espancada, queres?)

Mente Quase Perigosa disse...

(E agora que li isto melhor... Queres explicar melhor o título? Queres falar?)

Visconde de Vila do Conde disse...

Calamity, receio que "deslumbrante" seja uma palavra que não expresse exactamente toda a sua, digamos assim, presença...

shark disse...

Muito bem, caríssimo!
É que não sei se já reparou mas temos vindo a alimentar este blogue com informação preciosa e em troca só levamos com propaganda fajuta do género "small is beautiful" e patranhas afins.
Temos que estar atentos à eterna luta de classes...

Mente Quase Perigosa disse...

(E eu a dar informações preciosas...)

Essa da propaganda fajuta não era para mim, pois não? Eu até vos dou a information in real time...

calamity jane disse...

(eu explicava melhor se tu me explicasses a mim qual foi a parte que não percebeste)

Visconde, I beg your pardon? (O caríssimo quer ser espancado, quer?)

Sr Esqualo, muito bem o quê????
E aliás, no que me diz respeito, já esclareci que definitivamente não sou partidária do small is beautiful - mas tb não vejo a serventia (nem o cabimento, para usar uma expressão totalmente apropriada) de certos (como hei de colocar isto sem ferir susceptibilidades?) bacamartes, vá.

tereza disse...

CJ, para que é que nós queremos que os tótós aprendam o que quer que seja sobre mulheres? Um tótó, mais ou menos esclarecido, é sempre um tótó.

calamity jane disse...

Ora essa questão terás (se estiveres realmente interessada em saber a resposta, claro) de a colocar à autora do blog...