Agora percebo-o, meu caro...

49 comentários:

Visconde de Vila do Conde disse...

Shark, meu caro, depreendo que posso contar consigo na próxima temporada. Correcto?

shark disse...

A minha recente adaptação às temperaturas polares aliada à argumentação de que, vejo agora, o meu amigo dispõe tenta-me...

Visconde de Vila do Conde disse...

Estas jovens (a Tânia e a Beta, são-me razoavelmente próximas) são conhecidas por estarem sempre a apertarem os atacadores das botas de snowboard em plana pista. Costumo ampará-las, para que não lhes falte o equilíbrio.

shark disse...

Essa sua alma generosa...

Visconde de Vila do Conde disse...

Cidadania, meu caro. Custa-me ver as moças ali, no meio da pista, meio desequilibradas, toda a gente a passar e a fazer de conta que não vê. Elas apreciam uma mão firme que as coloque na posição certa e eu sinto-me melhor comigo próprio se não lhes negar este gesto solidário.

Mente Quase Perigosa disse...

(O Visconde é de Olhão? Isso explica muita coisa... Muita coisa...)

Os meus colegas de blog são tão bonzinhos. É que fico mesmo orgulhosa deles...

Visconde de Vila do Conde disse...

Mente, há algo em mim de pescador de facto.

E, sim, confirmo, os seus colegas de blog são bons.

(poupe-nos o "bonzinhos", ok?)

shark disse...

Uma mão firme que as coloque na posição certa? Isso é de um altruísmo que até a nossa Peixa reconhece de nível superior.
Bem haja, Visconde, por espalhar pelo mundo esse espírito de missão de que todos nós, homens bons, devemos orgulhar-nos.

Mente Quase Perigosa disse...

Peço desculpa, meus queridos parceiros.

O 'bonzinhos, foi claramente um lapsus linguae. Não é frequente mas, às vezes, também padeço do mal.

De facto, o termo correcto é, de facto, bons. E como penitência acrescentaria até, muito bons.

Mente Quase Perigosa disse...

E agora vou ali à enfermaria que eu devo estar com gripe para dizer estas coisas...

sem-se-ver disse...

(até eu fiquei preocupada contigo, mente)

Visconde de Vila do Conde disse...

Mente, apesar de reposta a verdade dos factos, receio não ser possível isentá-la da justa punição.

Os seus colegas de blog, após análise detalhada, deliberarão e aplicarão (quiçá pessoalmente) a sevícia adequada.

colega de blogue disse...

(neste caso, a maior sevícia seria não a aplicarmos pessoalmente.)

Mente Quase Perigosa disse...

(SSV, é que não sei se passo do fim-de-semana...)

Mente Quase Perigosa disse...

Visconde, depois de tão grave falta da minha parte, não me resta alternativa senão colocar-me nas vossas mãos!

(SSV, ajuda-me!!!!!! Só consigo escrever coisas destas!!! Daqui a bocado, digo que gosto deles!!!!)

Mente Quase Perigosa disse...

Oh Colega, essa cena como é que se aplica? É tipo mensagem subliminar? Agora fiquei curiosa...

outra vez o tal colega disse...

Aplica-se com requintes de crueldade. E a maior crueldade de todas é não aplicar.

(Acorda melhér!)

Mente Quase Perigosa disse...

(Oh pá, nos meus 34 anos nunca ninguém me disse que não me queria aplicar as sevicias pessoalmente. Tou a ficar preocupada contigo, Colega de Blog...)

fiel discípulo e aprendiz disse...

(eu não disse se queria ou não queria, disse que essa seria a maior sevícia de todas - não aplicar. mas o expert residente é o Visconde, eu sou apenas um fiel discípulo e aprendiz...)

Mente Quase Perigosa disse...

(Ai que o discipulo apanhou o mesmo virus que eu!!!!!!!!!!)

Se Vicia disse...

Mas Aprendiz, ainda assim, continuo com dúvidas: se não aplicas, não há sevicia. Ou a promessa de sevicia é a sevicia per si?

Mente Quase Perigosa disse...

I need coffee!!!!

Visconde de Vila do Conde disse...

Ora, considerar a não aplicação pessoal da sevícia deliberada foi apenas uma possibilidade académica. Certamente, acompanhá-la-emos ao Estádio de Alvalade para a visualização de um jogo, Mente.

Mente Quase Perigosa disse...

Mas o castigo é para o Shark, Visconde????

Ele não lhe fez nada!!!!

sem-se-ver disse...

(mente, vai beber café, querida)

gaija do norte disse...

(eu vou dormir! e quer-me cá parecer que vou ter que repensar o meu fim-de-semana...)

shark disse...

(ah vais? depois põe-me a par, por favor...)

gaija do norte disse...

(encontramo-nos no pinhal?)

shark disse...

(não vais devassar mais do que isso a nossa intimidade, poinão Gaija Maria?)

gaija do norte disse...

(intimidade no pinhal??? por quem me tomas shark manuel?)

Mente Quase Perigosa disse...

(SSV, eu tomei o café mas isto descambou na minh ausência, não? Intimidades no Pinhal???)

tenho o refogado ao lume disse...

(não estou em debandada, vou mesmo almoçar...)

gaija do norte disse...

boa ideia, também vou tomar café. desde que pensei ter visto o outro que não ando bem

tereza disse...

Tenho estado desde manhã a pensar nisto, Shark e Visconde, e não consigo perceber. Que vos incomoda? Duas gajas giras de bikini ou o pensarem que as meninas podem constipar-se? É que não percebo mesmo.

shark disse...

Quem falou em incómodo? A haver um é o de não serem quatro gajas giras em bikini, mas a isso uma pessoa, com boa vontade mais a imensa generosidade que caracteriza o Visconde, consegue dar a volta.

Mente Quase Perigosa disse...

(Acho que as miúdas têm labirintite e são um charity case do Visconde. Uma história triste até, tereza...)

tereza disse...

Esperem. Parem lá um bocadinho que continuo sem perceber. Não me estão a querer dizer que estão esgalgados por causa de duas miúdas de bikini, pois não? É que para isso basta irem à praia.
Sinceramente, achei que a frisson vinha da mistura do corpo quase nu e da neve gelada e fiquei sem saber se é a pele arrepiada que vos arrebita o... o... o ego, prontos.
É que isso, queridos colegas, pode ser uma informação valiosa. Já podiam ter dito.

Mente Quase Perigosa disse...

(Continuo a apostar na Associação Internacional de Labirintismo, mas vocês não acreditam!)

shark disse...

Esgalgados, Chefa? O Visconde não me passou procuração, mas acho que posso deixar aqui bem claro que nunca esgalgamos (já nos basta termos que controlar essas manifestações a toda a hora entre o mulherio...).

gaija do norte disse...

foi mesmo a neve que lhes arrepiou a pele. só pode!

(não sabia que também se lhe podia dar esse nome!!!)

tereza disse...

é como o Natal, gaija, dá-se-lhe o nome que uma gaija quiser e ego até me parece muito apropriado

tereza disse...

Shark, o Visconde não te passou procuração? Olha, então só passou a mão pelo pêlo nesses afagos de raspão entre machos alfa?

shark disse...

não existe qualquer espécie de contacto físico entre os alfa, Chefa. vê-se mesmo que andas a leste...

gaija do norte disse...

o visconde passou a mão pelo tubarão???

tereza disse...

Só de raspão, gaija.

gaija do norte disse...

raspão a raspão enche a galinha o papo!!!

tereza disse...

Estás a chamar galinha a quem?

gaija do norte disse...

adormeci, chefa, e já não faço a mínima ideia qual era o assunto...

shark disse...

é, e mesmo antes de adormeceres não devias estar a ver muito bem o assunto...