Sexo ao relento (Versão Mix Rapidinha na Madrugada)

Perceberam algures no caminho para o carro que tinha que acontecer. E tinha que acontecer depressa, passada interrompida pelos beijos sôfregos e pelas mãos perdidas nos corpos numa madrugada de uma cidade qualquer.

Ela pedia, cada vez com maior insistência, aquilo que ele queria dar. 
Agora, quero agora! 

E ele deitou-a de bruços no capô, a saia levantada e a cueca afastada para a possuir ali mesmo. Intenso, imenso, sem mundo à volta para atrapalhar. Tudo o resto para ignorar naquele momento inadiável, naquele desejo irreprimível que os cegava quando chegava a hora de amar.
Ela gemia, cada vez com uma cadência mais acelerada, mesmo à beira de uma estrada onde circulavam apenas as emoções desvairadas e aquela dupla de tesões descontroladas que se fundiam e depois explodiam numa reacção em cadeia que ela iniciou com um grito que ecoou nas ruas quase desertas e ele, deliciado, ouviu e murmurou o que sentiu enquanto a comia por detrás.
Agora, quero mais!

64 comentários:

calamity jane disse...

Ena! Mais uma que vale por duas! (apesar de rapidinha...)

gaija do norte disse...

também quero! agora!!!

calamity jane disse...

Se o Tubas continuar a esmerar-se desta maneira pode ser que no mês que vem a coisa comece a encarreirar... Pelo menos eu tenho fé! E diz que o que tem de ser tem muita força!...

shark disse...

CJ e tem resultado ou ainda não consegui atingir o ponto G da tua sorte?
:)

shark disse...

E depois eu quero mais, Gaija, e nem todos os carros têm seguro contra todos...

shark disse...

Sim, CJ, se for necessário tenho mesmo que ir à terceira...

Visconde de Vila do Conde disse...

Lá vou eu ter que escrever outro post sobre a Quaresma...

shark disse...

É pá, Visconde, esqueci-me completamente desse craque do Chelsea...

tereza disse...

O que eu sei é que com tanto e tão bom sexo do Shark os meus dias melhoraram tanto que nem tenho tempo para aqui vir...

(que carro era? espero que tenha sido num Boca de Sapo, que para estas coisas sempre é mais confortável que um Jeep...)

Visconde de Vila do Conde disse...

Tereza, você gosta de Citroën DS?

(bem me parecia que você não era um caso perdido...)

shark disse...

(Ò Chefa, só tu para acreditares que a malta nessas alturas vai tar a escolher o modelo da viatura...
Vê-se mesmo que és motard ou assim...)
:)

Visconde de Vila do Conde disse...

Shark, o post está uma delícia de bem escrito, meu caro.


(e nota-se algum saber empírico...)

shark disse...

Agradeço encarecidamente essa manifestação do seu apreço, caro Visconde.

(não confirmo nem desminto, acho que é o cliché normal nesta ocasião...)
;)

shark disse...

Citroen DS é uma referência sem paralelo.
Eu já vendi carros desta marca, precisamente por ser a minha preferida.
E têm, de facto e como a Chefa referiu, um capô que é quase uma cama de casal...

calamity jane disse...

Caríssimo, é como te dizia: o que tem de ser tem muita força e eu sou uma mulher de muita fé.

calamity jane disse...

E diz q não há fome que não dê em fartura...

sem-se-ver disse...

visconde, teve muita piada (seu 1º comentário).

sem-se-ver disse...

(hoje estou solteira, portanto é favor aviar daquelas caixas malucas pela noite dentro, vale vale?)


(o meu papá teve um boca-de-sapo liiiindo de morrer)

sem-se-ver disse...

olha, shark, e não é (mera) provocação: 'chegava a hora de amar'? hum? 'amar'? hum?

shark disse...

Amar, sim. Onde é que está a dúvida, amiga?

sem-se-ver disse...

hum. não há dúvidas?

eu tenho-as :-)


(mas isto corre o risco de ficar conversa muito séria, não me apetece nada nada...)

shark disse...

Não fica nada conversa séria, pois podemos sempre enveredar pelo caminho "the position is ridiculous but the sensation is wonderful" ou, em alternativa, abordamos a questão pela rama, perdão, pela cama com enfoque nos mecanismos do tesão.
E podemos sempre sorrir.
:)

sem-se-ver disse...

mas isso sempre faço contigo, convosco...




(sorrir, entenda-se)

shark disse...

Isso não invalida que seja possível a rapaziada (a malta, pá) amar a garina mesmo quando a queremos tanto que até arriscamos uma pequena fortuna no bate-chapa...
:)

sem-se-ver disse...

(fizeste-me rir)

eu faço muitas vezes amor com quem amo.

mas também faço muitas outras vezes sexo com quem amo.

na minha cabeça a destrinça é total.

na tua, pelos vistos, não. (?)

com ou sem facturas de bate-chapa :-)

sem-se-ver disse...

(sendo que, em ambas as situações, é o abraço final que prova o amor, com ou sem palavras sussurradas, com ou sem silêncio reconfortante e confortável)

sem-se-ver disse...

(sabes uma coisa bonita que uma vez li? que um beijo é um abraço entre duas bocas)



(nem todos, nem todas)


(mas é bonito, não é?)

Gabs disse...

O meu pai têve um Saab girissimo (daqueles redondos à frente). Mas o meu não dá para essas coisas.

shark disse...

Essa ténue linha entre o sexo com que amamos e o amor com quem amamos é que me escapa...
Mas eu sempre tive uma vista fraca.
E de política não percebo nada...

shark disse...

(E sim é bonito. E é verdade, ainda por cima. O que embeleza sempre mais um nadinha estas coisas, não é?)
:)

sem-se-ver disse...

claro que sim :-)

shark disse...

O que correu mal quando experimentaste o teu, Gabs?

sem-se-ver disse...

bem, o meu hoje, até está lavadinho, que fui elefanteazulizá-lo...

shark disse...

E agora que até está lavadinho e tudo dize-me, sem-se-ver: és dos bons, com capô resistente e assim, ou tens o mesmo problema da Gabs?

(Isto não está a ficar sério, pois não?)

shark disse...

(Eu queria dizer "é dos bons", mas ando com defeitoss de pronúnsssssia...)

sem-se-ver disse...

(lol!)

oh rapaz, é dos novos, donde, chapa fraca!! já não há carros como antigamente!!!

sem-se-ver disse...

só preocupações...

calamity jane disse...

confesso q ainda não experimentei o meu, mas estou certa de que teria de substituir o capot logo a seguir

sem-se-ver disse...

é como te digo, cj, os carros, hoje, não se prestam a tais ginásticas...

Mente Quase Perigosa disse...

E quando uma peixa decide finalmente enfiar a cabeça nos livros, queimar as pestanitas todas, exercitar as 'little grey cells' é que este pessoal decide que é forróbódó pela noite dentro e desatam a falar de sexo automobílistico (anotaste, Bruce?)...

Tou perdida...

calamity jane disse...

Mas onde é que se meteu a gerência da casa a mais a distinta clientela???

Quem me vai entreter até à hora do House - ou da caminha, o que quer q venha primeiro?

Não me digam que vou ter de ir escrever o texto que já devia ter pelo menos começado e cujo deadline até é amanhã...

Ou ir estudar direito administrativo como uma peixa q eu cá sei...

calamity jane disse...

Olha! Veio à tona!.. Confessa lá, estavas à espreita!

Cícero disse...

Shark , como se diz aqui na minha freguesia, mais vale uma bem dada do que duas prometidas. A gerência pelos vistos “vasou”, ficou sem palavras ou então anda à procura do tal boca de sapo.

Gabs disse...

O meu é um Honda CRV um bocado alto. Nunca o experimentei. Tem dez anos e é virgem. Acreditam?

shark disse...

Anotei, Dóri. Tal como desisti em definitivo da compra de carros recentes....

shark disse...

(Ou demasiado altos, pois sofro de vertigens...)

tereza disse...

CJ vi agora que estava a dar o House portanto deves estar de sofá...

Gabs, jeeps da Honda?? Vai por mim e troca por uma carrinha... Parecem um formula 1 de tão suaves 8e o capot vem quase até ao chão..
(eu lembro-me do Saab do teu pai. Era azul claro)

shark disse...

Como é que sabes isso, Cícero? Já desbundaste duas prometidas para poderes comparar? :)

A gerência, como o resto do staff, não precisa de procurar seja o que for, basta assobiar ou estalar os dedos e nada nos falta.

gaija do norte disse...

fiu fiu fiu

Gabs disse...

A minha irmã tirou a carta e encheu o Saab azul claro de amigos para irem ao 2001 pela marginal, lá com o ovo estrelado do 90. Resultado, foi apanhada a 120 km/h e ficou sem carta seis meses...
Eu pepdi o carro ao meu pai no algarve p ir ir dar "uma volta" e fui com o Capitão e outras para uma disco em Portimão. Fizémos 90 km... O meu pai não achou mta piada.

shark disse...

Vou já meter-me ao caminho, querida parceira de blogue! E não sou de prometer nada, pois de política...
;)

gaija do norte disse...

prudente, estimado colega, muito prudente!

;)

shark disse...

(vejo-me grego para não mandar a fulana às urtigas, essa Prudência...)

Cícero disse...

Sabes, prometidas são aquelas chefas que dizem, porque és jovem … e tal …. e eu a vê-las roçar, i.é, vê-las passar.

shark disse...

Tu tens um estilo muito macho, Cìcero. Por acaso és trolha?

jardinsdeLaura disse...

Uauuu... acabadinha agora mesmo de chegar nem tempo ainda tive para saborear o primeiro café da manhã e pimba... ou será pumba?!...
Já agora a que horas passa a próxima sessão de cinema ao livre?!Está assim tanto calor por aí?!
De qq forma adorei o filme e o"argumento" é óptimo... cheio de "sumo"!!
Por acaso inspirou-se no "Trópico de Cancer" de Henry Miller meu caro Shark?... ou será Sharp, very very Sharp?

jardinsdeLaura disse...

Tens razão meu caro Sharpyshark podia ter-te dado para pior!!!
Já pensaste se vos dá p'ra isso a caminho do "metro"? Inda birabas de pernas p'ró ar as unidades de medida? Muito gostas de desafiar as convenções!!! Seu Shark safado!

shark disse...

Eu inspiro-me na vida como ela é, nada mais.
Não gosto de desafiar as convenções. Na sua maioria desprezo-as...

jardinsdeLaura disse...

Mas que comentário mais sério... hummmm diria mesmo quase amargo!!!
Acordou mal disposto foi?! Problemas de fígado?!
E quanto às convenções faz muito bem... e já agora caso as tenha esgotado e queira continuar a dar "asas" (ou será melhor rodas) ao seu desprezo posso enviar-lhe as de Genebra! Quer? É só dizer... moro mesmo ao lado do Parque das Nações além disso andam todos tão ocupados com medidas para "travar" a crise (ela tb sedenta e desenfreada)que uma boa diversão recomenda-se... e agradece-se!

shark disse...

Amargo? Perdoe-me se não doseei bem o açúcar. É que se eu lhe aparento ter problemas de fígado, não duvide que lhe recomendaria ter atenção ao seu nível de diabetes. :)
Mora mesmo ao lado do Parque das Nações? Somos quase vizinhos, já viu?
Folgo em saber-nos concordantes na questão das convenções. A de Genebra não desprezo, embora me entristeça ser necessária uma convenção para acautelar o que uma simples dose de humanidade deveria garantir por si.
Tenha um óptimo dia!

tereza disse...

Cícero, esse nome é interessante. Será que andas com vontade que te façam o mesmo que fizeram ao outro?

jardinsdeLaura disse...

Pronto, pronto eu estava só a brincar! Mas claro isto de brincar c'um tubarão tem os seus riscos!!
A minha mãezinha sempre me disse p'ra num brincar c'u fogo que me posso queimar... a minha sorte é o Tubarão ser um bichinho das águas!... e inté num faz mal se num fôr doce (a água claro) qu'eu trago sempre comigo uma dose extra de açucar! Vícios de diabética... tá-se mêmo a ber!
Quanto às convenções, mais precisamente as de Genebra e desta vez muito a sério não podia estar mais de acordo!
E já agora tenha também um dia em cheio... e do que quiser qu'eu num sou inbejosa! Tamos entendidos?!

shark disse...

E acha que eu estou a falar a sério? Isso é quase como acreditar que sou mesmo um tubarão e que mordo a alguém... :)
Tenha um dia em cheio também. Tamos entendidíssimos.

Cícero disse...

Tereza, longe vá o agoiro. Só de pensar no catilina ainda hoje sofro.