Daltonismo

Verde é vermelho e vermelho é verde. Ver verde e dizer vermelho e ver vermelho e dizer verde. Sempre. Tudo certo, que eu cá não sei se vêem verde, amarelo ou branco, só sei que áquela cor chamam verde, tal como eu.
Pior é quando se baralham as cores, e as mãos, e as imagens no espelho. Agora é verde depois é vermelho, ontem direita e amanhã esquerda, que nunca se sabe por onde andam os dedos nem com quem ficaram os anéis.
E num dia tenho a olhar para mim uma eu que não sei quem é e noutro vejo quem já me cansei de ser. Verde ou vermelha, vermelha ou verde?

2 comentários:

averell joe jack william disse...

por isso os dalton eram quatro e vestiam às riscas.
não dá hipótese a essas confusões.

ernesta disse...

só se não me chamar Rantanplan