Não tenho razão?

Manhã de chuva. Crianças em casa sem escola.
A mais nova está a fazer um trabalho para história - a biografia do D. Afonso Henriques. Já vai longa, que o tipo viveu muito.
Tenho estado a dar umas ajudas, mas a última sugestão não está a ser bem recebida. Acho que entre a referência à tareia na mãe e à primorosa educação dada pelo Egas Moniz, devia fazer uma ligeira alusão ao facto de o D. Afonso Henriques usar boxers cor de rosa. Assim, discretamente, entre frases.
Ela não me percebe, acha que a mãe é doida.... eu tento explicar-lhe as virtualidades da coisa - só assim poderá ter a certeza que a professora leu o trabalho todo. E errado nunca está, que hoje em dia vá lá alguém saber mesmo mesmo qual era a cor dos ditos cujos...
Boxers cor de rosa e pronto. Fosse o trabalho meu e não falhava - lá no meio havia de ir esta bem metidinha e à espera do que desse e viesse.

2 comentários:

Ângela disse...

Realmente, alguma coisa devia usar, que c a necessidade de andar a cavalo ele se permitisse ter o material "perdido" e mal acomodado... Mas, pelo que me contaram, os bozxers n são recomendados a cavaleiros.
Agora quanto à cor, acho q n está mal. Sempre seria uma discussão interessante c a professora, fazê-la explicar se no século XII o rosa era cor de menina e n de menino...

Emiele disse...

Ela podia sempre dizer que tinha sido pesquisa da mãe.
É só abrirem o túmulo e espreitarem.